Username: Luhpereira [Contato] Nome: Lucinéia Pereira
Membro desde: 17/12/2015
Status: Membro
Bio:

Bom sou uma jovem universitaria, cheia de sonhos e objetivos a concluir...


Aos 20anos me considero uma mulher de personalidade difícil, arrogancia me faz parte, e ironia tambem talvez um pouco até de igorancia declaro rsrs, mas enfim um boa pessoa.


APAIXONADA POR LITERATURA, AMO LER ABSOLUTAMENTE TUDO, E AQUI VIM ENCONTRAR LITERATURA LESB...ONDE DE FATO VIM ME ENCONTAR, SOU LESBICA ASSUMIDA DE CARTERINHA E ACEITA POR QUEM DE VERDADE ME AMA E ME IMPORTA.


Quero aqui continuar por muitas décadas.


bjos, bjos


Facebook: neiapereira16
[Informar violação das regras]


Comentários de Luhpereira [5]

Histórias por Luhpereira

Divisão de classe: esquerda x direita. por Luhpereira

Classificação: +18 • 3 Comentários starhalf-star

Sinopse:

 


De um lado da muralha, teremos a jovem lutadora: Cecília Gonçalves com apenas 20 anos, busca formas de conseguir entrar no mercado de trabalho na cidade grande. Embora tenha uma descendência humilde, e seja moradora de uma comunidade tradicional do interior (Campo), ela é uma moça extremamente inteligente, que consegue se aventurar de forma ágil na área da tecnologia, foi com esse intuito que saiu de sua comunidade para conseguir trabalhando, realizar o sonho de cursar uma universidade para se especializar na área que ela desejava atuar. É antenada a qualquer forma de debates pautados, voltada a luta de direitos para uma sociedade mais justa e parcial para com as suas classes. Cecilia não tem uma formação formal, mas carrega dentro de si uma formação de maior relevância: A Formação informal! Que por meios de ONGS, Trabalhos religiosos e movimentos sócias, consegue formar uma visão de mundo social. Seu principal objetivo é, conseguir um trabalho, estudar para ajudar a sua família que por ela espera.


E do outro lado da muralha Teremos: Alexandra Drummond Miller, aos 28 anos de idade é uma ex-soldado americana. Que após anos de luta, treinamento, guerra e servidão retorna ao país de origem por parte de sua já falecida mãe Brasileira. Recebe uma oferta de trabalho de uma antiga amiga de farda, que propõe um trabalho menos suicidada para amiga. Mesmo Alexandra sendo uma bilionária, gosta de viver em constante função, vive em um relacionamento de quase 3 anos com a Amanda Brandão, que é perdidamente apaixonada pela ex – soltado e agora futura Policial Federal. Mesmo estando em um longo relacionamento, até então Alex ainda não quis avançar para um título, mais sério, como o casamento! Sendo essa a principal preocupação da modelo milionária Brandão, que quando amada aceita a oferta da amiga Mariana Montes, se vê obrigada a ir atrás de seu amor. Alexandra tem a sua forma de levar a vida, fria, arrogante e determinada! Ao aceitar vir para o Brasil, veio por um proposito muito maior do que simplesmente voltar a atividade de trabalho.


O que haverá em comum entre essas duas vidas, tão claramente opostas???


 


 



Eu sou a negra, que irá escravizar os seus penetrantes olhos verdes. por Luhpereira

Classificação: +18 • 12 Comentários

Sinopse:

Ângela Cicília Gonçalves: com 16 anos de idade, estando cursando o 2ºano do ensino médio, assumi a responsabilidade de criar a sua irmã, mas nova. Após a morte de sua doente mãe. Os sonhos que por anos a camponesa jovem do interior do paraná cria em sua cabeça sonhadora, fica distante ao enfrentar a realidade da cidade grande.
Quando pensa a moça que o seu destino já está traçado, cruza em seu caminho a moça dos olhos verdes e determinada Alexandra Miller.  
Em um colégio particular, a nossa Ciça irá enfrentar uma verdadeira batalha para ocupar o seu lugar conquistado.
 
Será que ela vai conseguir enfrentar toda essa realidade, oposta da sua?
E Alex, vai sair de sua zona de popularidade nata?
Quais serão as consequências das escolhas por elas traçadas?
Qual será o efeito do tempo, sobre a vida dessas diferentes garotas de realidades opostas?
 
-- Sim, eu serei a Negra que irá escravizar,
os seus penetrantes olhos verdes!!! - pensou Ângela Cecília. Ao encarar os frios olhos verdes que percorreu o seu corpo, sem o menor pudor, até que finalmente subiu os seus olhos encontrando os meus.


 


ATENÇÃO: haverá ao longo da história, passagem de tempo.


(Fictício).


Boa Leitura.